« back to search results
Share
twitterlinkedinfacebook
Image 2 of 27
< Prev Next >
Coruja Buraqueira 09060002 ©JB.jpg
A coruja buraqueira é sem dúvida a mais conhecida das corujas brasileiras, já que é facilmente vista durante o dia pousada em locais expostos. Recebe o nome científico cunicularia (“pequeno mineiro”) devido ao hábito de viver em buracos e cavidades no solo. De porte pequeno, com 23 cm de comprimento, a coruja possui uma cabeça redonda, tem sobrancelhas brancas, olhos amarelos, e pernas longas (Sick, 1997). A plumagem apresenta coloração cor de terra, às vezes, avermelhada, estratégia natural para se camuflar no solo. Ao contrário a maioria das corujas o macho é ligeiramente maior que a fêmea e as fêmeas são normalmente mais escuras que os machos (Antas, 2005; Sigrist, 2007). As corujas em geral não têm papo e a formação de pelotas é uma necessidade vital para estas aves. Também conhecida pelos nomes de caburé-do-campo, coruja-do-campo, coruja-mineira, corujinha-do-buraco, guedé, urucuera, urucuréia e urucuriá.<br />
Foto João Batista<br />
2009